A Matriz energética brasileira registrou uma expansão de 1.505,05 MW em abril de 2024. Tal crescimento pode ser explicado por causa da entrada em operação comercial de 47 novas usinas. Neste cenário, destacam-se as eólicas. 

Dessa forma, o total instalado em 2024 foi de 4.133,39 MW. As informações são da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Deseja saber mais sobre o assunto? Então, não deixe de ler o novo texto do blog da Clarke.

Usinas eólicas apresentam crescimento expressivo; Piauí e Bahia Lideram

Das 47 usinas adicionadas em abril na matriz energética brasileira, 20 são eólicas, que somam 559,90 MW. Além das usinas eólicas e solares fotovoltaicas, foram incorporadas seis termelétricas, que acrescentaram 208,51 MW à matriz, e, por fim, uma central geradora hidrelétrica com capacidade de 3,00 MW. 

Os estados do nordeste merecem destaque no assunto. Pois, o Piauí foi aquele com maior expansão no mês, com 14 novas usinas em operação, resultando em uma ampliação de 400 MW. Já a Bahia ficou em segundo lugar no Brasil, porque teve nove novas usinas e mais 200 MW. 

Quando a avaliação envolve o período de janeiro a abril, o Rio Grande do Norte lidera em todo o Brasil, pois conta com um acréscimo de 1.381,23 MW. Ele é seguido pela Bahia com 673,50 MW, e Minas Gerais com 649,54 MW.

O que é e como surgiu a energia eólica?

A energia eólica é aquela que é gerada por meio das forças dos ventos que movimentam as turbinas. Ela é gerada a partir da energia cinética dos ventos, responsável por movimentar a pá e ativar as turbinas. Assim, a energia mecânica é transformada em energia elétrica através da indução eletromagnética em um gerador. 

Ela surgiu no Brasil com o intuito de diversificar a nossa matriz energética, pois a matriz energética é bastante dependente das usinas hidrelétricas. 

Quais são os tipos de energia eólica?

A energia eólica produzida pode ser offshore e onshore. A onshore produz energia através dos ventos dos parques eólicos localizados em terra. Já a offshore é obtida em alto mar. 

Por que a energia das usinas eólicas é considerada uma fonte renovável de energia?

Ela é considerada uma fonte renovável de energia pois tem como fonte um recurso inesgotável, que são os ventos. Também é considerada 100% limpa, já que não gera gases poluentes durante o processo de geração.

Onde se localizam as maiores usinas eólicas do Brasil?

Os maiores geradores são: Piauí, Bahia, Rio Grande do Norte, Maranhão, Paraíba e Rio Grande do Sul. No Piauí, se localizam quatro parques: Lagoa dos Ventos, Oitis, Chapada do Piauí e ventos de São Roque. 

Quais são os principais desafios dessa fonte renovável de energia?

Além de ser limpa e renovável, a energia eólica gera emprego nas regiões dos parques eólicos. Também ajuda a diversificar a matriz energética brasileira.  Logo, ajuda a reduzir nossa dependência dos combustíveis fósseis e das usinas hidrelétricas. 

Porém, ela também perpassa por desafios. É necessário um grande espaço para que os parques eólicos comportem os aerogeradores, e os equipamentos são bastante caros. Além dos ruídos que incomodam os moradores da região. 

Compre energia eólica e 100% renovável com a Clarke Energia

Uma das maneiras de comprar energia eólica é através do Mercado Livre de Energia, um ambiente onde empresas possuem a liberdade de comprar energia diretamente com os fornecedores. Assim, ficam livres dos preços das distribuidoras. 

A Clarke é uma energytech que conecta empresas aos menores fornecedores. Funcionamos como uma espécie de corretora, pois ajudamos empresas desde o processo de migração para o Mercado Livre de Energia, cotação com fornecedores e até a gestão elétrica. 

Aproveite e faça já uma simulação para descobrir o quanto você pode economizar na conta de luz da sua empresa com o Mercado Livre de Energia. O desconto pode chegar a 40%! Fale com um especialista do nosso time e saiba mais sobre como podemos te ajudar!

Compartilhe este texto e siga a Clarke no Instagram, LinkedIn e Facebook.